15.5 C
Brasília
quinta-feira, 18/07/2024
- Patrocinado -bar do GG
InícioDestaquesHomem que matou companheira com 47 facadas vai a júri popular em...

Homem que matou companheira com 47 facadas vai a júri popular em Samambaia

Acusado de matar a ex-companheira com 47 facadas na frente do próprio filho, Reriton Gomes (foto em destaque), de 38 anos, vai a júri popular nesta quarta-feira (6/12). O julgamento está previsto para começar às 9h30, no Tribunal do Júri de Samambaia.

Em denúncia, o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) pediu a condenação de Reriton por homicídio qualificado, considerando que o crime foi cometido por motivo torpe, emprego de meio cruel, recurso que dificultou a defesa da vítima, além de ter sido cometido contra mulher, em contexto de violência doméstica, o que caracteriza o feminicídio.

Segundo o MPDFT, enquanto a mulher ainda estava viva, ele trancou a porta do local crime e jogou a chave fora com um objetivo: dificultar o salvamento.Reriton é acusado pelo feminicídio de Gabriela Bispo de Jesus, 33, em 9 de maio deste ano, em Samambaia Sul.

O Metrópoles apurou que no dia do crime o acusado chegou embriagado na casa da vítima e cometeu o feminicídio. Após o crime, ele fugiu a pé com o filho do casal, um menino autista de 3 anos.

De acordo com as investigações, o acusado estaria inconformado com o fim do relacionamento. Segundo testemunhas, Gabriela teria gritado por “socorro”, em uma última tentativa de sobreviver as facadas.

Após se entregar, o acusado foi preso preventivamente pela 32ª Delegacia de Polícia (Samambaia Sul). A pena de Reriton Gomes pode chegar a 40 anos de reclusão.

Fonte: Metrópoles DF

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!

Últimas Notícias