19.5 C
Brasília
domingo, 14/07/2024
- Patrocinado -bar do GG
InícioDestaquesMinistério Público do DF denuncia homem que torturou e matou vítima em...

Ministério Público do DF denuncia homem que torturou e matou vítima em Samambaia por homofobia

A Justiça do Distrito Federal aceitou nesta sexta-feira (17) a denúncia do Tribunal do Júri de Samambaia contra um homem, de 35 anos, pelo homicídio qualificado de Boaz William da Silva.

O homem é acusado de ter agredido, torturado, ateado fogo e matado a vítima por motivo de homofobia.O crime aconteceu em 2 de novembro de 2022, em Samambaia (DF). Segundo a denúncia, o suspeito teria se sentido incomodado com “o jeito e as expressões” de Boaz e passou a agredi-lo com socos e chutes, seguidos de tortura feita com um cabo de vassoura. Após a agressão, o homem teria colocado a vítima ainda viva em um colchão e ateado fogo nela.

Boaz teve o corpo parcialmente carbonizado. O suspeito foi preso em flagrante no mesmo dia do crime e continua detido.

Segundo a denúncia do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), o homicídio foi cometido por motivo torpe, com emprego de meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima.

Fonte: Ministério Público

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!

Últimas Notícias