21.5 C
Brasília
segunda-feira, 17/06/2024
- Patrocinado -bar do GG
InícioDistrito FederalProfessores da rede pública do DF decidem entrar em greve a partir...

Professores da rede pública do DF decidem entrar em greve a partir de 4/5

Professores e orientadores educacionais do Distrito Federal decidiram, no fim da manhã desta quarta-feira (26/4), entrar em greve a partir de 4 de maio.

Em assembleia realizada no estacionamento do Eixo Cultural Ibero-americano, antiga Funarte, a categoria também decidiu que as aulas seguem normalmente nas escolas públicas até a data da paralisação.

A reportagem entrou em contato com a Secretaria de Educação e aguarda retorno. Mais cedo, o Metrópoles noticiou que, em virtude da ameaça de greve, o Governo do Distrito Federal (GDF) agendou para a próxima quarta-feira (3/5) uma nova rodada de negociação com a categoria.

De acordo com o Sindicato dos Professores, a categoria cobra melhores salários e reestruturação da carreira de magistério público, com incorporação de gratificação. No entanto, com a reunião marcada para ocorrer com o GDF um dia antes do início da greve, a categoria e o governo local podem entrar em acordo.

O professor Claudio Reis, 58 anos, confirmou que pretende aderir à greve. “A nossa última reestruturação de carreira foi há 11 anos. E todas as reestruturações vieram depois que a categoria fez greve. Estamos dispostos a lutar por isso novamente”, comentou o docente.

“Somos a classe trabalhadora mais explorada. Estou aqui para reforçar a necessidade de valorização da nossa carreira”, disse a professora Gisleine Medeiros, 44 anos, docente do CED 9, de Ceilândia.

Fonte Metrópoles

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!

Últimas Notícias