24.5 C
Brasília
sábado, 15/06/2024
- Patrocinado -bar do GG
InícioDistrito FederalRestaurante Comunitário de Ceilândia pode mudar de nome para homenagear DJ Jamaika

Restaurante Comunitário de Ceilândia pode mudar de nome para homenagear DJ Jamaika

Restaurante Comunitário de Ceilândiapode mudar de nome para homenagear a lenda do rap brasiliense DJ Jamaika. O artista morreu em 23 de março, aos 55 anos. A ideia partiu da deputada distrital Paula Belmonte (Cidadania), que protocolou um Projeto de Lei (PL) na Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) para propor a mudança. Caso o texto seja aprovado na Casa, o estabelecimento passará a se chamar Restaurante Comunitário DJ Jamaika.

Jefferson da Silva Alves, o DJ Jamaika, fez carreira em Ceilândia. Pioneiro do hip-hop brasiliense, liderou o grupo de rap Álibi com o irmão Kabala. Tô Só Observando, Rap do Piolho e Dois Maluco num Opala 71 são alguns do hits que tornaram o artista nacionalmente conhecido. Ele morreu após uma luta contra o câncer.

“A história que o DJ Jamaika deixou para todos os brasilienses, principalmente representando a vida cotidiana da rapaziada de Ceilândia e de Chaparral, jamais será apagada. Em respeito à memória desse grande artista e produtor cultural, ícone de Ceilândia, é mais do que justa e merecida a homenagem aqui apresentada para alterar o nome do Restaurante Comunitário de Ceilândia”, destacou a deputada, na justificativa do projeto.

O corpo de Jefferson da Silva foi velado na Administração Regional de Ceilândia, em homenagem à relação do artista com a cidade. Já o restaurante fica no centro da região administrativa, na QNM 1, Bloco 1, Lote 1.

“O local em que esse equipamento público encontra-se construído é a maior referência cultural de Ceilândia e, talvez, do Distrito Federal. Ali era um Salão de Múltiplas Funções voltado para festas, o mais importante espaço cultural da cidade nos anos 1980, que recebia muitos jovens e adultos para curtirem o som de muito funk, soul music e rap, tendo sido palco para a apresentação de famosos artistas brasileiros”, completa o texto do PL.

Protocolado na CLDF nesta semana, o PL ainda não tem data para ser apreciado na Casa. Para que ocorra a mudança de nome do restaurante, é necessária a aprovação do projeto em dois turnos e sanção do governador Ibaneis Rocha (MDB).

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!

Últimas Notícias