20.5 C
Brasília
sexta-feira, 21/06/2024
- Patrocinado -bar do GG
InícioSamambaiaBar do GG: tradição que ultrapassa gerações

Bar do GG: tradição que ultrapassa gerações

Tradicional bar da feira de Samambaia é referência na cidade há mais de 30 anos

O boteco faz parte da cultura de Brasília. Quando chega a sexta-feira dá logo vontade de sair e tomar uma cervejinha bem gelada, petiscar, degustar drinks, bater um bom papo com os amigos, confraternizar, dançar e ouvir uma boa música ao vivo. O Distrito Federal contempla esse costume em todos os gostos e esferas, do mais gourmet ao mais popular. Dito de outro modo, atende aos gostos do bico fino ao povão.

Nas cidades satélites do DF é comum encontrarmos as populares feiras. Escolher aquele peixe para o almoço de domingo, comer o clássico pastel com caldo de cana, comprar as verduras da semana, ou bater perna para comprar algo bacana e com preço em conta.

A questão do pertencimento também é uma herança cultural muito importante nas regiões administrativas além do Plano Piloto. Cada comércio se relaciona com a comunidade com mais profundidade, onde o cliente se torna amigo do dono como se fosse parte da família e história do estabelecimento. Samambaia e Ceilândia tem essa cultura muito forte . Na Samambaia Norte, por exemplo, a Feira Permanente da 210 é um patrimônio cultural da região. Junto dela, o famoso Bar do GG, que além de ser bem raiz, é história viva do povo samambaiense.

Tudo começou com seu Geraldo Paulino da Silva, apelidado carinhosamente como GG. Paraibano, chegou em Brasília 7 anos após a inauguração daquela que é hoje a Capital do Brasil. Aqui construiu sua família e também o Bar do GG, que nasceu praticamente junto com Samambaia, em 1989.

“Nosso bar nasceu pequenininho, como acontece com todo gigante. No início funcionamos em um quartinho, depois ganhamos o espaço de uma garagem e hoje estamos, com muito orgulho, na Feira Permanente”, conta Geraldo.

Para quem frequenta o bar, ficam nítidas todas as premissas e princípios que justificam a existência que se prolonga no tempo e tradição do bar. Ele é focado no cliente, como todo bom negócio, mas transcende os protocolos que rotulam a relação entre comércio e público, criando uma sinergia em que todos parecem estar em uma alegre e animada confraternização de família unida.

“Aqui buscamos criar um ambiente envolvente, por meio da magia de se sentir bem, despertando sentimentos e emoções de forma leve e descontraída”, relata Helane Guedes, nora do GG original, pois, segundo ela, seu esposo, Wesley Paulino, assumiu o posto e é conhecido com o apelido do pai. Hoje ambos lideram na gestão do bar.

A publicitária e confeiteira Amanda Novaes, conta que frequenta há 2 anos o GG e que a qualidade da experiência faz ela escolher todo fim de semana o mesmo boteco. “Fui conhecer para prestigiar o empreendimento, daí vi que é um lugar bem localizado, com música excelente e tem a cerveja mais gelada de Samambaia. A comida é caseira e deliciosa, com atendimento rápido e eficiente. Gosto porque lá é frequentado por gente simples e animada, de todas as tribos”, relata.

O Bar do GG funciona de sexta a domingo, das 8h às 18h, contando com música ao vivo de qualidade e bem enérgica. É comum presenciar dança de casais, ou até mesmo uma mesa entusiasmada que entra no clima de festa e já puxa coreografia, contagiando o lugar. Cervejas sempre trincando de geladas, drinks tradicionais com destaque ao da casa, que leva gengibre, limão, hortelã e cachaça. Pratos executivos deliciosos com preços bacanas, petiscos corriqueiros de botecos e muitos saborosos, com um torresmo crocante e inigualável, sem falar da variação de caldos que consta no cardápio de dar água na boca.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!

Últimas Notícias