24.5 C
Brasília
sábado, 15/06/2024
- Patrocinado -bar do GG
InícioDistrito FederalIbaneis faz contingenciamento de R$ 1 bilhão. Veja bloqueio por órgão

Ibaneis faz contingenciamento de R$ 1 bilhão. Veja bloqueio por órgão

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), determinou o contingenciamento de R$ 1 bilhão do Orçamento da capital do país para 2023. Isso significa que o valor ficará temporariamente bloqueado para os órgãos afetados, que só poderão usar os recursos com autorização do Palácio do Buriti.

A medida ocorre em meio à queda na arrecadação do DF. No primeiro trimestre deste ano, houve redução de R$ 300,7 milhões no recolhimento de impostos, em comparação ao valor das receitas no mesmo período de 2022.

deral, Ibaneis Rocha (MDB), determinou o contingenciamento de R$ 1 bilhão do Orçamento da capital do país para 2023. Isso significa que o valor ficará temporariamente bloqueado para os órgãos afetados, que só poderão usar os recursos com autorização do Palácio do Buriti.

A área mais afetada pela restrição é a da saúde. O Fundo de Saúde do Distrito Federal terá R$ 342 milhões bloqueados. Na educação, o congelamento é de R$ 79 milhões. A Secretaria de Planejamento, Orçamento e Administração (Seplad) terá R$ 159,7 milhões contingenciados.

O decreto afirma que o contingenciamento é necessário para “manter o equilíbrio fiscal, atender às despesas obrigatórias dos órgãos e entidades que integram os orçamentos fiscal e da seguridade social, com ajuste nas contas públicas visando ao alcance das metas fiscais”.

Assinado por Ibaneis Rocha, o documento também ressalta que a medida observa a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), que proíbe o governo de assumir obrigações com parcelas a pagar sem o correspondente montante em caixa nos dois quadrimestres anteriores do mandato.

Fonte Metrópoles

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!

Últimas Notícias