23.5 C
Brasília
quarta-feira, 21/02/2024
- Patrocinado -
InícioDestaquesGoverno lança licitações para ocupação de boxes fechados em feiras de Samambaia

Governo lança licitações para ocupação de boxes fechados em feiras de Samambaia

Um pacote de licitações para a ocupação de boxes fechados em sete feiras do Distrito Federal foi lançado pela governadora em exercício Celina Leão, na manhã desta terça-feira (18). As concorrências públicas vão selecionar pessoas físicas interessadas na exploração comercial de 193 estandes. Ainda nesta terça, os editais devem ser publicados nos sites oficiais do governo com o regramento dos certames.

A localização e as características das bancas desocupadas já podem ser consultadas via internet – existem estandes disponíveis na Feira Permanente da Candangolândia, na Feira da 210 de Samambaia, na Feira da 202 de Samambaia, na Feira Permanente de Brazlândia, na Feira do P Sul, na Feira de Confecções e Utilidades de Planaltina e na Feira Permanente do Riacho Fundo.

Os interessados em participar do certame têm até o próximo dia 21, sexta-feira, para apresentar qualquer manifestação ou sugestão. Basta enviar um e-mail para o endereço eletrônico segov.cplf@buriti.df.gov.br, com os dados pessoais, o telefone e outros contatos do proponente.

Os interessados em participar do certame têm até o próximo dia 21, sexta-feira, para apresentar qualquer manifestação ou sugestão. Basta enviar um e-mail para o endereço eletrônico segov.cplf@buriti.df.gov.br, com os dados pessoais, o telefone e outros contatos do proponente.

“Feira com box fechado não atrai público porque ele sabe que vai chegar lá e não vai encontrar o produto que quer comprar”, comentou Celina Leão. “Essa iniciativa é uma determinação do governador Ibaneis Rocha para que as feiras estejam funcionando 100%. O objetivo é que os feirantes trabalhem com dignidade, que abram a banca e encontrem o cliente lá para comprar”, completou.

De acordo com a subsecretária de Mobiliário Urbano e Apoio às Cidades, Ana Lúcia Melo, um segundo pacote de licitações deve ser lançado daqui a aproximadamente dois meses. “Essa segunda fase contemplará 559 boxes espalhados em 14 feiras”, detalhou. Além de movimentar os centros comerciais, os novos ocupantes vão aumentar a arrecadação da cota de rateio das despesas, usada para a manutenção das áreas comuns das feiras.

“Não adianta o GDF reformar esses espaços e termos 20, 30 boxes parados. Não funciona. Quanto mais gente trabalhando, mais negócio acontece”José Humberto Pires de Araújo, secretário de Governo

“Com essas licitações, estamos dando condições para que os comerciantes revigorem economicamente essas feiras”, ressaltou o secretário de Governo, José Humberto Pires de Araújo. “Não adianta o GDF reformar esses espaços e termos 20, 30 boxes parados. Não funciona. Quanto mais gente trabalhando, mais negócio acontece”, explicou.

De 2019 para cá, o Governo do Distrito Federal investiu mais de R$ 23 milhões na reforma de 22 feiras. As melhorias em 14 centros comerciais já foram concluídas. Em outras oito, as obras estão em execução.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!

Últimas Notícias