21.5 C
Brasília
sexta-feira, 01/03/2024
- Patrocinado -
InícioDistrito FederalJovem de 25 anos é encontrada morta em Taguatinga, no DF; namorado...

Jovem de 25 anos é encontrada morta em Taguatinga, no DF; namorado é suspeito

Uma jovem de 25 anos foi encontrada morta, na madrugada desta quinta-feira (2), no Setor de Indústrias Gráficas de Taguatinga, do Distrito Federal. Segundo o Corpo de Bombeiros, ela estava dentro de um banheiro e apresentava várias lesões, possivelmente vítima de espancamento.

Ainda de acordo com os militares, o suspeito é o namorado da vítima, Guilherme Nascimento Pereira, de 28 anos. O pai do homem estava no local e teria acionado os bombeiros após as agressões. Guilherme fugiu do local e não havia sido encontrado até a manhã desta quinta.

LEIA TAMBÉM:

A reportagem entrou em contato com a Polícia Civil, mas não obteve mais informações sobre o caso até a última atualização desta reportagem.

Casos de feminicídio em 2023

 

Este é, pelo menos, o sétimo feminicídio registrado no Distrito Federal em 2023. O caso mais recente de feminicídio ocorreu no último dia 13. Uma mulher morreu após ser esfaqueada pelo ex-marido, no Gama.

O homem, identificado como João Alves Catarina Neto, de 45 anos, foi detido e levado à delegacia. A vítima não teve o nome divulgado.

Fernanda Letícia da Silva, de 27 anos, morreu após ser enforcada pelo namorado, em Ceilândia. Maxweel Lucas Rômulo Pereira, 32 anos, confessou o crime para parentes que também estavam na casa e fugiu. Ele se entregou à polícia no dia seguinte e foi preso.

Miriam Nunes, de 26 anos, foi encontrada morta com sinais de enforcamento em casa, em Ceilândia. Ela morava com o companheiro e a filha deles, recém-nascida. André Luiz Muniz é suspeito do crime e fugiu do local.

Jeane Sena da Cunha Santos, de 42 anos, foi morta dentro de casa, no Park Way. Depois de matar Jeane, o companheiro, João Inácio dos Santos, de 54 anos, se suicidou. Segundo a polícia, ele já tinha passagens por disparo de arma de fogo, violência doméstica e diversas desobediências à medidas protetivas.

Giovana Camilly Evaristo Carvalho, de 20 anos, foi morta com dois tiros no rosto pelo namorado, durante uma discussão, em Ceilândia. Wellington Rodrigues Ferreira, de 38 anos, chegou a fugir do local, mas foi localizado pela Polícia Militar momentos depois, sob forte influência de drogas.

Izabel Aparecida de Sousa, de 37 anos, morreu com um tiro no rosto, disparado pelo ex-companheiro Paulo Roberto Moreira Soares. O crime aconteceu em frente à filha do casal, de 8 anos. Paulo Roberto ficou foragido por dois dias, antes de se entregar à polícia.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Últimas Notícias